segunda-feira

"poderias contar a história da minha vida sem me usar como base ."


Não estou a precisar de olhar para todos os cantos a minha volta , nada que te pertença está pousado no que é meu , e o teu cheiro , esse nem sei qual é neste instante . Há já alguns tempos que perdi o sabor a ti e não estou a amar mas estou a gostar sinceramente, perdi planos para o futuro planos estes que ficaram por terra e que tu não levantas-te muralhas para defende-los e fazê-los acontecer mas deixa para lá , já foram tempos e muito tempo aliás .
Será preciso contar uma história ? a nossa história ? não é necessário , o livro está guardado na prateleira e aqueles que a sabem já não devem atrever-se a tocar-lhe , ou prenunciar o seu conteúdo .
Hoje estou a tentar ser mais forte e destemida , tive que aprender a ser indiferente e a controlar-me sempre que estás perto, no fundo aprendi a fazer aquilo que tu desde sempre fizeste afinal de contas . E foi sempre nisso que te admirei , pela tua enorme indiferença e falta , e pelo teu coração de gelo .
Mas olha tu não foste tempo perdido, foste tempo de aprendizagem e de conhecimento isso sei-o eu e ninguém me dirá ou fará pensar o contrário , tenho é pena que tenha acabado assim , porque no fundo tu sabes que serei sempre tua amiga apesar de toda a merda que saiu daí dessa boca , mas eu conheço-te como a palma da minha mão solista .

"Eu sei que amigos apesar de tudo , nunca se perdem só dão alguns curtos espaços de tempo "

4 comentários:

  1. Olá :)
    Visita e segue o blog da água, e mantém-te atento a este recurso natural tão importante.
    Beijinhos, Ouro Azul.

    ResponderEliminar
  2. está mesmo lindo*
    Estás boa? beijinho

    ResponderEliminar